Carta Aberta aos que defendem os “coitadinhos dos criminosos”

Senhor Ministro quando estes (coitadinhos para si) estavam a roubar e a agredir violentamente pessoas idosas indefesas que ficaram privados dos seus bens muitos deles o esforço de uma vida, não vimos sua indignação nem uma palavra de conforto para com as vítimas e de solidariedade para com a família que perdeu um familiar brutalmente agredido, talvez na altura estivesse muito ocupado com a possibilidade de se poder tornar o Senhor da terra e do Mar.

Assaltavam pessoas frágeis, principalmente idosos, eram violentos e não tinha piedade alguma para com suas vítimas.

Nos assaltos utilizavam armas de fogo e brancas e todas as formas para intimidar vítimas, uma acabou por morrer devido a agressão sofrida com um martelo na sua cabeça por não revelar onde tinha as suas poupanças e objetos de valor, foram presos e conseguiram fugir do tribunal preparando se de novo para fazer novas vítimas, acabaram por ser de novo capturados e muitos dos que foram suas vitimas podem ter umas noites tranquilas. 

As vítimas nunca receberam uma visita dos direitos humanos e alguma ajuda e agora por uma foto, colocada depois de capturados, as tais associações dos direitos humanos ou dos ( Direito dos Manos) dizer que a foto é desumana e uma barbaridade que ainda não estamos na Rússia e que não se deve expor assim as vítimas.

Parabéns ao sindicato dos agentes da PSP que vieram pelo menos eles defender os seus e com isto mostrar que temos ainda quem nos defenda.

Já agora uma visita aos pobres coitados na cadeia Senhor Ministro não lhe ficaria mal pois eles já sofreram bastante nestes dois dias e um pedido de indulto no Natal para o Senhor Presidente da República.

A pergunta aqui fica afinal de contas quem são a vítimas, um qualquer de nós indefeso ou estes senhores?

Comentários

Talvez seja do seu interesse...