Catarina Martins pede “dignidade” no tratamento dos fugitivos do Tribunal do Porto

A coordenadora do Bloco de Esquerda, Catarina Martins, pediu para que os fugitivos do Tribunal de Instrução Criminal do Porto fossem tratados com “dignidade”. Catarina lamenta ainda que tenham sido divulgadas imagens da detenção dos fugitivos nas redes sociais.

“Eu não queria comentar algo que está em averiguação e investigação”, começou por referir a coordenadora do BE, lembrando que foram divulgadas “várias fotografias” e que “algumas nem correspondem à realidade”.

Catarina Martins apelou aos jornalistas que se trate com “dignidade” os fugitivos do Tribunal de Instrução Criminal do Porto, que ainda aguardam julgamento em prisão preventiva, após serem acusados de vários assaltos violentos sobre idosos, de acordo com as autoridades.

“É lamentável a divulgação de imagens que atentem contra a dignidade das pessoas” lamentou Catarina Martins sobre a divulgação destas imagens, apelando para que “respeitem os direitos humanos”.

O ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, também condenou anteriormente o ato, considerando que não é prática correta e comum das autoridades divulgar imagens de detidos.

 

Comentários

Talvez seja do seu interesse...