Estudante de medicina suicida-se após ser vítima de partida pelos amigos

Um estudante de medicina, na Universidade de Swase no País de Gales, pôs termo à sua vida depois dos colegas partilharem sem autorização mensagens privadas de uma conversa do rapaz com a sua namorada.

Edward, um jovem de 22 anos, partilhou com os seus amigos através do WhatsApp as mensagens que teve com outra aluna da universidade com quem tinha um caso amoroso.

Os colegas, sem autorização, pregaram uma partida ao jovem e partilharam publicamente as mensagens.

Depois dos responsáveis da universidade analisarem o caso, o estudante em questão acabou por ser suspendido de ir às aulas temporariamente e, com isso, ficou bastante transtornado ao considerar que a suspensão poderia por em causa o seu profissional, depois de terminar o curso de medicina.

O jovem foi encontrado sem vida em casa dos pais em Monmouthshire juntamente com uma carta de despedida.

O seu irmão, Max Senior, disse aos jornalistas que Edward era uma pessoa sempre disposta a ajudar os outros. Também a mãe do jovem, Diana Senior, deixou uma mensagem dando conta que o filho, mesmo focado em tirar boas notas, nunca descurou a ajuda aos outros, destacando o ano de voluntariado que fez num orfanato no Gana.

Comentários

You may also like...