Homem de 32 anos perde a vida esfaqueado após negar cigarro a outro em Portimão

Homem perdeu a vida no hospital após ter sido esfaqueado na zona do pescoço.

Brálio Tomé, um homem de 32 anos, perdeu a vida após ter sido esfaqueado no pescoço por outro homem. O crime ocorreu durante a madrugada deste sábado, pelas 04:30, na Rua António Feu, perto do Edifício Mira Sol, na Praia da Rocha, em Portimão, após Brálio ter recusado dar um cigarro a outro homem.

A vítima sofreu uma grande hemorragia na zona do pescoço e foi transportada de emergência pelo INEM para o hospital de Portimão, onde deu entrada às 05:00, no entanto não resistiu aos ferimentos graves sofridos e acabou por perder a vida já na unidade de cuidados intensivos.

O autor do crime vestia um fato de treino preto e colocou-se de imediato em fuga, deixando a vítima no chão a perder sangue. Já foi identificado pela Polícia Judiciária e decorre agora uma operação para capturar o suspeito em fuga. O crime está a ser investigado pela PJ em colaboração com a PSP de Portimão.



Comentários

Talvez seja do seu interesse...