Marido tira a vida à mulher de 40 anos em Vieira do Minho

Ana Paula, uma mulher de 40 anos, foi assassinada durante esta quarta-feira pelo marido, António Fidalgo, na casa do casal, na freguesia de Salamonde, em Vieira do Minho.

Segundo apurado pelo Correio da Manhã, após tirar a vida à mulher por estrangulamento, o homem deslocou-se de Salamonde a Braga, cerca de 40 quilómetros, para se entregar à Guarda Nacional Republicana, onde confessou o crime, sendo que o caso passou para a PJ.

O companheiro da mulher, também na casa dos 40 anos, terá tirado a vida da vítima após uma discussão. O casal era proprietário de um café e tinham uma filha que não se encontrava em casa quando ocorreu o crime.

O casal vivia nessa casa há um ano após estarem emigrados em Inglaterra. As autoridades não possuíam quaisquer registos de queixas de violência doméstica ou de desentendimentos. O crime aconteceu pelas 20h30 dentro da habitação do casal e os contornos ainda estão por apurar.

Desde o início do ano, esta é a 12ª mulher em Portugal a perder a vida devido à violência doméstica.



Comentários

Talvez seja do seu interesse...