Médica portuguesa vencedora de prémio internacional

A médica portuguesa Ana Paiva Nunes foi vencedora do primeiro prémio de registo internacional de tratamentos em AVC na terapêutica da reperfusão, da SITS (sigla inglesa), um sistema de registo independente baseado no Instituto Karolinska, na Suécia.

Este prémio serve para destacar os sistemas de registo efetuados pelos médicos para diminuir a carga global e, desta forma, conseguir melhoras no tratamento do AVC. A médica revelou à Lusa que ainda que não seja obrigatório efetuar registos dos doentes que são presentes a tratamento de reperfusão, ganhou este hábito de registar todos os pacientes submetidos a trombectomia, um processo em que se dá a remoção do vaso ou do trombo, normalmente devido a coágulos grandes.

Foi assim que o hospital São José, que está integrado no Centro Hospitalar de Lisboa Central, conseguiu ser distinguido como o centro com maior registo de doentes e com a melhor qualidade de dados.

O prémio foi entregue na Suécia esta segunda-feira.

Comentários

You may also like...