Menino de 5 anos vítima de cancro pede desculpa à mãe antes de falecer

Menino de cinco anos tinha lutava contra a doença há dois anos e precisava de ser submetido a uma cirurgia para um transplante de fígado.

Charlie Proctor, um menino de cinco anos perdeu a vida na luta contra o cancro em casa, em Lancashire, no Reino Unido, este sábado. Momentos antes de partir, o menino pediu desculpa à mãe pelo que estava a acontecer.

Há dois anos, Charlie foi diagnosticado com um cancro no fígado. A família fez os esforços para tentar juntar 900 mil euros para a realização de uma cirurgia nos Estados Unidos, enquanto o menino era submetido a outro tipo de tratamentos.

“Ontem à noite, o meu melhor amigo, o meu mundo – Charlie, respirou pela última vez. Ele adormeceu nos meus braços. A dor que temos nos nossos corações é muito forte. O mundo perdeu um menino incrível”, escreveu a mãe da criança, numa publicação feita na página de Facebook de Charlie, que contava com mais de 30 mil seguidores.

“Agora está na hora de voar. Estou tão orgulhosa de ti. Tu lutaste com tanta força. Irei sentir saudades para sempre. Bons sonhos, meu bebé”, despediu-se a mãe na mesma publicação.

A história do menino de cinco anos, comoveu muitas pessoas, inclusive a cantora norte-americana Pink, que doou 10 mil dólares para que a cirurgia se pudesse realizar.

A família foi avisada no último mês que o menino estava em fase terminal e não podia ser salvo. Com isso, a angariação de fundos foi cancelada e os pais de Charlie organizaram-lhe uma festa de anos antecipada, pois o mesmo só fazia 6 anos em abril do próximo ano.



Comentários

Talvez seja do seu interesse...