Portugal “já não se encontra em seca meteorológica”

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera informou que este foi o segundo mês de março mais chuvoso desde 1931, referindo que Portugal continental “já não se encontra em seca meteorológica”.

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) informou esta segunda-feira que este foi o segundo mês de março mais chuvoso desde 1931, referindo que Portugal continental “já não se encontra em seca meteorológica”. “O valor médio da quantidade de precipitação em março, 272 mm, foi cerca de quatro vezes o valor médio mensal e foi o segundo março mais chuvoso desde 1931, com um valor muito próximo de março 2001”, refere o IPMA em comunicado. O mês de março de 2001 registou valor médio da quantidade de precipitação de 274 mm, sendo o março mais chuvoso desde 1931.

Segundo o documento, no final do mês de março, Portugal continental já não se encontrava em seca meteorológica. “A ocorrência de valores muito elevados da quantidade de precipitação em todo o território do continente, tiveram como consequência o final da situação de seca meteorológica que se verificava desde abril de 2017”, salienta. Apenas uma pequena região no sotavento algarvio ainda se encontra na classe de seca fraca, acrescenta.

O mês de março de 2018 foi o mais frio desde 2000. “O valor médio da temperatura máxima do ar, inferior ao valor normal em cerca de 2.6 °C, corresponde ao valor mais baixo desde 2000”, salienta, explicando que ao longo do mês os valores de temperatura do ar estiveram “persistentemente inferiores” aos valores médios.

Comentários

You may also like...