Homem foi atingido na zona do peito.

Meios de socorro não conseguiram reverter a situação e o homem acabou por morrer no local.

Um homem de 37 anos, de nacionalidade portuguesa, perdeu a vida depois de ter sido esfaqueado durante a semana passada, num apartamento da cidade francesa de Limoges.

De acordo com a imprensa francesa, a vítima era sem-abrigo e a suspeita de lhe ter tirado a vida é uma mulher, de 47 anos, de nacionalidade brasileira, que lhe costumava dar abrigo esporadicamente.

Os meios de socorro foram chamados ao local pelas 22:00 da passada quinta-feira, dia 21 de Novembro, mas quando estes chegaram à residência onde vive a mulher, já não havia nada que pudesse ser feito para reverter a situação do homem. O português foi atingido numa zona crítica do peito e acabou por falecer no local pouco tempo depois.

A brasileira, visivelmente alcoolizada, foi detida pelas autoridades. No primeiro interrogatório judicial foi-lhe aplicada a medida de coação mais gravosa e vai aguardar julgamento em prisão preventiva.

Tanto a vítima como a suspeita já eram conhecidos pelas autoridades locais, bem como pelos vizinhos, devido aos vários episódios de violência associados ao consumo de álcool. Apesar de não terem uma relação estável, a brasileira dava muitas vezes abrigo ao português.

Durante os últimos anos, os encontros dos dois foram marcados por violência, de acordo com as queixas que eram apresentadas na polícia. O homem chegou mesmo a ser condenado pelo crime de violência doméstica.