“Raríssimas e a desaparecida em combate”

Mario Gonçalves fez a pergunta no seu site, sobre como está o caso que parece já estar esquecido em Portugal, o caso Raríssimas.

O que é feito da presidente da Raríssimas? Continua impune e a fazer vida de luxo!

Meses depois da reportagem da TVI que denunciou supostas irregularidades na ‘Raríssimas’, Paula Brito e Costa, suspensa de funções, continua a receber salário, tal como o marido e o filho.

E pasme-se, mantém o mesmo nível de vida.

E é assim o chamado: “Nós por cá…”, porque em outro País qualquer, a menina Paulinha, já estava a ver o sol aos quadradinhos!

Um pobre que rouba alimentos para comer é bem capaz de vir a polícia, advogados, juízes, bombeiros, televisão, etc, para o julgarem em plena praça pública, em suma, é bem capaz de levar 2 anos de prisão efectiva ou mais.

Obrigado justiça… Obrigado por espezinhares ainda mais os pobres e defenderes cada vez mais os ricos corruptos que se governam às custas do povo…

Obrigado… Por nada… 🇵🇹”



Comentários

Talvez seja do seu interesse...