Rosa Grilo terá de indemnizar o filho de 12 anos

Rosa Grilo, a mulher que assassinou o próprio marido triatleta, e que fez de tudo para não ser apanhada, acabou por ser presa pela Polícia Judiciária juntamente com o seu amante. Agora, a mulher arrisca-se a ter de pagar uma indemnização ao próprio filho, de doze anos, caso seja condenada em tribunal pelo homicídio do seu marido Luís Miguel Grilo.

O filho é o único herdeiro de todos os bens do casal, desde a habitação em que vivia, em Cachoeiras, ás poupanças que possuíam e ainda à empresa do pai no ramo informático que tinham em Vila Franca de Xira.

Caso o filho venha a constituir assistente no processo, poderá obrigar a mãe e o cúmplice no homicídio a pagarem uma indemnização, que poderá chegar aos milhares de euros segundos os juristas.

O jurista André Ventura esclarece, “todos os bens serão herdados pelo menor, mas serão geridos por quem ficar com a guarda parental do menino até este atingir os 18 anos”. Já a indemnização “poderá ser atribuída ao menor e a outros familiares da vítima, como é o caso da irmã”.

Comentários

Talvez seja do seu interesse...